Audiência pública em Brasília debate liberação de verba federal para indústrias de lácteos inspecionadas pelo SIM

12 jul Audiência pública em Brasília debate liberação de verba federal para indústrias de lácteos inspecionadas pelo SIM

Representantes do Instituto Gaúcho do Leite (IGL) participaram no último dia 07, a convite, de Audiência Pública da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados, em Brasília. A agenda tratou da liberação de empréstimos do Governo Federal para as agroindústrias inspecionadas pelo Sistema de Inspeção Municipal (SIM) e contou com presença de representações de órgãos públicos federais como o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento(MAPA), Ministério da Saúde, Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDS), entre outras.

IGL

Osmar Redin apresenta Levantamento Socioeconômico da Cadeia Produtiva do Leite na audiência pública. Crédito: Divulgação/IGL

Na ocasião, o consultor do IGL Osmar Redin apresentou dados do Levantamento Socioeconômico da Cadeia  Produtiva do Leite, realizado por IGL e a Emater, defendendo a medida em debate.

O deputado federal Alceu Moreira, que presidiu a audiência pública, avaliou que medidas devem ser efetivadas. Para estudá-las com brevidade e para ter-se efetividade, sugeriu e foi aprovada a constituição de um grupo de trabalho com as entidades participantes. As representações dos elos da cadeia leiteira será a partir de entidades nacionais que acionarão e convidarão entidades estaduais de açodo com o estágio dos estudos. A primeira reunião do grupo de trabalho está prevista para a primeira quinzena de agosto, de acordo com coordenação a ser feita pelo próprio gabinete do Deputado Alceu Moreira.

Ainda na data ocorreu audiência dos representantes do IGL com o Secretário Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, do Ministério de Desenvolvimento Social (MDS), Caio Tibério da Rocha, para tratar de encaminhamentos de projetos e de medidas que poderiam ser adotadas na próxima safra do leite (primavera/verão), a partir de programas governamentais, que minimizassem o excesso da produção de leite e de derivados. Durante o encontro souberam do secretário, da prorrogação de recursos disponíveis na SDR para aquisições oficiais e programas que incluem derivados lácteos. Sugeriu também que a partir de outubro fossem encaminhados pleitos para compras governamentais de leite em pó que busquem minimizar os problemas normais de comercialização de leite e derivados na safra, com grandes possibilidades de serem atendidas pela Secretaria.

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.