Congresso Internacional do Leite é oficialmente lançado por governador Sartori

16 jul Congresso Internacional do Leite é oficialmente lançado por governador Sartori

brinde

Governador Sartori, presidente Piccinini, Klein e a secretária de Políticas Sociais, Maria Helena, fazem brinde com leite

O Congresso Internacional do Leite foi oficialmente lançado nesta quarta-feira (15) em evento que reuniu o governador José Ivo Sartori, o secretário de Agricultura do Rio Grande do Sul, Ernani Polo, representantes das instituições organizadoras do evento, a Embrapa Gado de Leite e o Instituto Gaúcho do Leite (IGL) e de entidades da agropecuária gaúcha e nacional, políticos, jornalistas e convidados. A atividade, que foi realizada durante café da manhã no Galpão Crioulo do Palácio Piratini, em Porto Alegre, apresentou as atrações do congresso ainda inédito no Estado. O evento ocorre de 29 a 30 de julho no Centro de Eventos da Fiergs e tem por objetivo debater temas essenciais da cadeia produtiva do leite, tais como inovação, sustentabilidade, políticas públicas, gestão e sucessão na propriedade, novas abordagens sobre assistência técnica e extensão rural.

De acordo com o presidente do Instituto Gaúcho do Leite, Gilberto Piccinini, sediar o congresso pela primeira vez marca momento fundamental para a atividade leiteira no Rio Grande do Sul, que hoje ocorre em 94% dos municípios gaúchos e envolve 198 mil produtores. “O Congresso Internacional do Leite pretende ser um divisor de águas na história da cadeia leiteira do Estado, com seu programa diversificado e pertinente, desenvolvido por experts nacionais e internacionais”, analisou.

IMG_8106

Paulo Martins, chefe-geral da Embrapa Gado de Leite: Congresso serve de intercâmbio de informações entre todos os técnicos e produtores presentes

Para o chefe-geral da Embrapa Gado de Leite, Paulo do Carmo Martins, o evento marca um grande momento, não só de atualização para os participantes, mas de intercâmbio de informações entre todos os técnicos e produtores presentes. “O Congresso Internacional do Leite é um evento que irá apresentar tanto o que há de mais novo dentre os temas pertinentes à produção de leite, como proporcionar também o debate de políticas públicas, políticas de mercado e fundamentalmente pontos que nós ainda não temos respostas, como a questão da sucessão, da mão de obra e novas maneiras de fazer a transferência de tecnologia”, explicou.

O secretário estadual da Agricultura, Ernani Polo, ressaltou a grandiosidade do Congresso Internacional do Leite e a importância da integração do setor leiteiro no Estado. “Nós estamos diante de um grande evento que nos permite a oportunidade de melhoria e superação, tanto tecnológica, quanto do debate da qualificação, melhoria e políticas públicas. Nesse aspecto, vejo o debate do setor leiteiro de grande importância, pois é um segmento que mantém e sustenta grande parte das famílias no campo.” Segundo Polo, a execução de políticas públicas para manter essas atividades e oferecer um produto de qualidade são essenciais e devem ser feitas em conjunto com todos os entes que integram a cadeia produtiva.

Já Sartori destacou a força da cadeia leiteira no Estado. “A produção vai muito bem, nós somos o segundo produtor brasileiro de leite, a qualidade do nosso produto é elevada e devemos sempre buscar melhorar o que já é bem feito, especialmente valorizando um dos recursos mais importantes que nós temos que é o capital humano, que faz o desenvolvimento de toda essa grande engrenagem produtiva do Estado”, concluiu.

Congresso Internacional do Leite 2015

Presidente do IGL, Gilberto Piccinini, faz doação ao governo estadual de mais de mil litros de leite Crédito: Luiz Chaves/Piratini

Piccinini, em nome dos associados do IGL, fez a entrega de 1.170 litros de leite para a primeira-dama e secretária extraordinária de Políticas Sociais, Maria Helena Sartori. A entrega foi realizada após os discursos oficiais das autoridades.

Sobre o evento

A 13ª edição do Congresso Internacional do Leite chega pela primeira vez no Rio Grande do Sul. O evento, já realizado em estados como Alagoas, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná e Rio de Janeiro tem como objetivo discutir a sustentabilidade e a competitividade da atividade leiteira no Brasil.

Ainda integrando as atividades, no dia 28 de julho, serão realizados eventos paralelos ao Congresso, como o Seminário Estadual dos Prefeitos e Secretários Municipais de Agricultura do Rio Grande do Sul, a Reunião da Câmara Setorial da Cadeia de Leite e Derivados e palestra de abertura sobre “Matriz leiteira como viabilização da propriedade rural”, também no Centro de Eventos da Fiergs.

O Congresso Internacional do Leite tem patrocínio do SEBRAE, SICREDI, Tetra Pak, Emater-RS, CNPq, CAPES, Ministério da Educação, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e conta com apoio de Balde Branco, Feed & Food, Milkpoint, AFUBRA, SESCOOP, Universidade Federal de Santa Maria, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Famurs, AGL.

As inscrições, programação completa e mais informações podem ser obtidas no site do evento congressoleite.com.br.

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.