Laticínios e cooperativas poderão obter crédito presumido de PIS/Cofins

25 set Laticínios e cooperativas poderão obter crédito presumido de PIS/Cofins

Para isso, 5% devem ser aplicados em projetos para melhorar qualidade do leite

IMG_0534O diretor executivo do Instituto Gaúcho do Leite (IGL), Ardêmio Heineck, e o presidente da Câmara Temática do Leite da Ocergs, Jeferson Smaniotto, participarão, nesta sexta-feira (25), em Brasília, de oficina, promovida pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), para elaboração do projeto para créditos do PIS/Cofins, conforme Lei 13.137/2015, que está prestes a ser regulamentada. Ela permite a empresas apurar créditos presumidos no recolhimento do tributo, desde que apliquem 5% em projetos de Assistência Técnica e Extensão Rural que sejam destinados a auxiliar produtores rurais no desenvolvimento da qualidade e produtividade na sua atividade.

Para que o recurso seja empregado na sua totalidade, a reunião desta sexta-feira tem como proposta sanar dúvidas na elaboração de projetos. Para Heineck, o programa vem em boa hora, pois vai proporcionar que as empresas invistam mais ainda em projetos de qualidade do leite, atuando direto na propriedade rural, fator indispensável ao desenvolvimento setorial.

IMG_0455Segundo Smaniotto, a regulamentação da lei trará benefícios para o setor, considerando a obrigatoriedade da aplicação de 5% na qualificação da matéria-prima e dos produtores. O IGL realizará seminário na próxima quinta-feira (1º de outubro) para tirar dúvidas sobre o funcionamento do programa e treinamentos de técnicos na elaboração dos projetos de assistência técnica.

A reunião desta sexta-feira vai ocorrer das 10h às 17h, na Escola Nacional de Gestão Agropecuária (Enagro) – SIA Quadra 06 Bloco “C” Lote 75 – Brasília-DF.

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.